sexta-feira, 24 de maio de 2024
- Anúncio -spot_img
InícioPráticas e RituaisPontos Riscados e SímbolosSímbolos do Ponto Riscado na Umbanda

Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda

O que são Pontos Riscados na Umbanda

Os Pontos Riscados são símbolos sagrados utilizados na Umbanda para representar entidades espirituais transmitir mensagens e auxiliar nas práticas rituais. Eles são desenhados em locais específicos durante os trabalhos espirituais utilizando elementos como giz pemba. Cada Ponto Riscado possui um significado e uma energia específica relacionada à entidade espiritual a qual está associado. É importante ressaltar que o Ponto Riscado na Umbanda não são simples desenhos mas sim veículos de comunicação e conexão com o plano espiritual dentro.

A origem dos Pontos Riscados

O ponto riscado ou cabalístico é derivado de várias religiões, como do Vodu, do Hoodoo e de diversos cultos de Congo e Angola, da Quimbanda e daqueles de matriz africana no Brasil, como o Candomblé e a Nação (Rio Grande do Sul).

Além disso, existem sistemas parecidos nos povos escandinavos, através das runas e até mesmo na magia cerimonial europeia e seus sigilos.

Na Umbanda, a grafia sagrada nasceu juntamente com a mesma, tendo-se conhecimento desta escrita mística nas primeiras manifestações mediúnicas das entidades invocadas nos terreiros.

A Importância dos Pontos Riscados na Prática Umbandista

Os Pontos Riscados desempenham um papel fundamental na prática umbandista sendo considerados ferramentas poderosas de comunicação e transmissão de energias entre o plano espiritual e o material. Eles são utilizados em diversos rituais como firmezas descarregos e atendimentos espirituais auxiliando na concentração proteção e direcionamento das energias envolvidas. Além disso os Pontos Riscados são considerados pontos de força que potencializam as intenções e preces dos praticantes fortalecendo a conexão com o mundo espiritual e promovendo a harmonia e o equilíbrio durante as práticas espirituais na Umbanda.

No ponto riscado podemos identificar toda a linhagem da Entidade e seu campo de atuação. Quando o médium risca um ponto, irradiado por uma entidade, está mobilizando a falange que com ela trabalha, direcionando a energia da mesma para o objetivo desejado.
Dessa forma, toda entidade possui a sua identificação genérica e diversos outros pontos para firmar suas mandingas e mirongas, este primeiro é amis frequentemente utilizado, já que trata de sua identificação pessoal, já os outros pontos são de uma forma geral mais restritos e utilizados somente quando necessários. Os pontos riscados, são normalmente traçados com giz de calcário, conhecido como Pemba. Esse giz mineral, além de ser consagrado para ser utilizado para escrita sagrada, também pode ser transformado em pó e utilizado de outras formas em preparações ou cerimónias ritualísticas

O significado dos Pontos Riscados na Umbanda

Os pontos riscados são compostos de símbolos que têm o poder de invocar os espíritos. Esses desenhos significam a assinatura dos espíritos, pois a combinação dos símbolos (setas, cruzes ou círculos) identificam o espírito invocado.

São compostos de vários elementos, representados por desenhos, que representam as vibrações, objetos e elementos de trabalho. Além do ponto riscado representar a entidade, ele também é utilizado para complementar a realização de trabalhos.

O Simbolismo dos Pontos Riscados

Cada Ponto Riscado possui um simbolismo profundo e carregado de significados que são interpretados pelos médiuns e praticantes da Umbanda. Os símbolos presentes nos Pontos contêm informações essenciais sobre a entidade que está sendo invocada e o propósito do ritual em questão. Através da concentração e da energia direcionada durante a confecção e utilização dos Pontos Riscados os praticantes estabelecem uma conexão mais forte com as entidades espirituais potencializando sua atuação nos trabalhos espirituais.

Os pontos riscados da Umbanda podem variar de acordo com a linha espiritual (Orixás, Guias, Caboclos, Pretos Velhos, entre outros) e com as tradições específicas de cada casa religiosa. Alguns dos símbolos mais comuns encontrados nos pontos riscados da Umbanda incluem:

Flecha: Representa abertura, conquista, ruptura, destino, conhecimento, defesa e direcionamento. A flecha, assim como o reâmpago, representa um raio que transpões a ignorância, sendo assim, leva ao conhecimento cuja representação é a luz. As flechas também podem identificar a linha dos caboclos e dos enviados de Orixá Oxóssi.

Machadinha: Significa guerra, destruição, trabalho. O machado duplo simboliza poder e dignidade. Em geral é o símbolo de iniciação, coragem, busca do conhecimento oculto. As machadinhas também indentificam a linha de caboclos e dos enviados de Xangô. Na Umbanda, a machadinha é um símbolo poderoso para destruir e vencer demandas, usado junto com a pedra pode significar força, estabilidade e proteção.

Espada: Assim como a machadinha tem função tanto protetora quanto agressiva. Simboliza justiça, autoridade, discernimento, julgamento decisivo, intelecto penetrante, poder fálico, luz, separação e morte. As espadas também identificam a linha de trabalhos de caboclos enviados de Ogum. Por ter aspecto duplo, ela pode ser usada para estabelecer a paz. Nos trabalhos de Umbanda, é riscada também para destruição de demandas e proteção de seus filhos.

Cruz: Simboliza o céu e Terra , tempo, espaço, boa sorte, encruzilhada, luz, vida e morte. Também identifica a linha de trabalhos de caboclos enviados de Oxalá. Ela é usada para aumentar a carga energética dos filhos em trabalhos para a saúde. E ainda pode ser usada como assinatura energética das entidades quando riscam seus pontos na chegada ao terreiro. Essa cruz também pode identificar a linha de tabalho dos exus ou entidades que tem seu ponto de força no cemitério, pode significar encruzilhada e ainda ser a assinatura da entidade.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 12

Raio: Simboliza justiça, ira, revelação e direção. É o símbolo da senhora dos raios e tempestades e tempo. Também pode representar a sensualidade, a paixão, triunfo, poder e força. O Raio invoca Iansã para trabalhos de desmascarar injustiças e descarregos de energias negativas. O Raio identifica també a linha de trabalho dos caboclos enviados de Iansã.

Coração: Simboliza o amor, a fertilidade e a maternidade. O coração na simbologia religiosa é a representação da manifestação de Deus. . O coração identifica a liha de trabalho dos caboclos enviados de Oxum.

Espelho: O espelho surge em muitos mitos, é símbolo da consciência, da auto reflexão. A conciência é entendida não apenas como auto imagem social ou profissioa=nal, mas também como identidade psíquica profunda. O espelho nos ajuda a enxergar quem realmente somos.

Ondas, peixe e Lua: A Lua representa os ciclos da vida. A água simboliza a origem da vida, a fecundidade, fertilidade, força, purificação, limpreza, transformação e a cura. O peixe significa a vida, a fertilidade e a fartura. A água e o peixe identificam a linha de trabalho dos caboclos enviados de Iemanjá. A Lua, além de itentificar a linha de caboclos enviados de Iemanjá, também pode representar outras linhas da Umbanda como, Ciganos, Crianças, Pretos velhos e Exus.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 2 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 13

Estrela de cinco pontas: Representa os cinco sentidod ou os quatro elementos (ar, fogo, áugua e terra). A estrela é usada para identificar todas as linhas de trabalho da Umbanda, é usada como assinatura energética.

Arco: Simboliza a energia armazenada, poder terrestre ou divino e tensão. É o símbolo da guerra e da caça, pois foi uma das primeiras armas inventadas e ainda em uso. O arco identifica a linha de caboclos e na Umabanda significa força para impulsionar energia a determinado alvo, que o objetivo do trabalho.

Sol: A luz do sol é o símbolo da plenitude do ser, é o centro energético da vitalidade, é luz, vida e calor, amor, paixão, conhecimento, juventude, fogo, poder, realeza, força, perfeição, nascimento, morte, ressurreição, imortalidade, é a força espiritual de cada ser.

Espiral: É símbolo de evolução e movimento ascendente e progressivo, normalmente positivo e cosntrutivo. Simboliza a criação da vida e a expansão do mudo. A espiral em forma dupla significa o todo, o nascimento e amorte, a dualidade, a união dos contrários.

Rosário: Simboliza a ligação com o divino, proteção contra os maus espiritos e também a cura material e espiritual. Quando é desenhado pelo preto velho em um ponto riscado, significa que esta entidade tem grande ligação com o plano espiritual superior, além disso, tem o poder de curar e proteger seus filhos.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 3 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 14

Cachimbo: significa esclarecimento, desfazer confusão. O fornilho representa o aspecto feminino de todas as coisas vivas e o tubo representa o aspecto masculino em todas as formas de vida. O simples fato de colocar o tubo no fornilho mostra união, criação e fertilidade. Já a fumaça do cachimbo representa a prece e nos lembra do criadorpresente em todas as coisas.

Figa: Este símbolo é riscado para proteger o consulente contra maus agouros, mal olhado, quebrantes, perigos, má sorte e forças maléficas, além de desmanchar as demandas.

Pimenta: simboliza prosperidade, sorte, sensualidade, energia e proteção. Nõ aparece muito em pontos riscados.

Chave: Um símbolo que também está presente na linha de trabalho de ciganos e simboliza as soluções. É utilizada para trazer boas soluções à problemas. Este símbolo, quando em trabalho, atrai sucesso, riquezas e abertura de caminhos.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 4 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 15

Taça: Simboliza a receptividade e união. No casamento cigano, os noivos tomam vinho em uma única taça para representar valor e comunhão. Está presente na linha de trabalho dos ciganos

Âncora: simboliza segurança. Usada também na linha de trabalho de ciganos. Tem a função de gtrazer segurança e equilibrio no plano físico, finaneiro e para se livrar de perdas materiais.

Ferradura: Também utilizada na linha de trabalho de ciganos, simboliza segurança. Ela representa a mesma função da âncra.

Moeda: Simboliza proteção e prosperidade, Sua função é tirar energias negativas e para atrair dinheiro. Também identifica a linha de trabalho de ciganos.

Punhal: Usada na linha de trabalho dos ciganos, simboliza a força, poder, vitória e superação.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 5 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 16

Trevo: Simboliza a boa sorte trazendo felicidade e fortuna. Identifica a linha de trabalho dos Ciganos.

Roda: Símbolo do povo cigano e representa o ciclo da vida.

Coruja: Sim boliza a sabedoria e segurança material. Também identifica a linha de trabalho dos ciganos.

Louro: Simboliza a prosperidade, vitória e conquista além de simbolizar boa sorte, proteção, purificação e expansão de conciência, coragem e confiança. Também identifica a linha de trabalho de ciganos. Usada em trabalhos para abertura de camihos.

Semicirculos que se cruzam: expansão de energia e quando a presenta uma cruz no meio é fechamento de energia significando fechamento de trabalho.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 6 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 17

Tridente: Este símbolo está longe de simbolizar o garfo do diabo. O tridente de Exu está direcionando os quatro elementos que a Umbanda trabalha, água, fogo, ar e terra. Geralmente o Garfo do Exu é quadrado e da Pombagira é redondo, porém não é via de regra.

Caveira: Símbolo que representa a mortalidade, mudança, transformação, renovação, início de um novo ciclo, porém a maior representação dela é igualdade. Quando riscada, identifica a linha das almas, também chamada de linha das caveiras ou linha do cemitério.

Circulo cruzado no centro: representa o direcionamento dos quatro elementos. Representa o equilibrio da energia traçadas por uma certa entidade.

Simbolos do Ponto Riscado na Umbanda 7 Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 18

Alguns Pontos Riscados de Caboclo

Ponto riscado de Caboclo Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 19

Alguns Pontos Riscados de Ciganos

Ponto riscado de Ciganos Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 20

Alguns Pontos Riscados de Exu e Pombagira

Ponto riscado de Exu e Pombagira Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 21

Alguns Pontos Riscados de Preto velho

Ponto riscado de Preto velho Representacao Artistica
Símbolos do Ponto Riscado na Umbanda 22

Diferença entre Pontos Riscados e Pontos Cantados

Quando falamos de Umbanda é comum nos depararmos com dois termos bastante importantes e significativos: os Pontos Riscados e os Pontos Cantados. Ambos desempenham papéis fundamentais nos rituais e práticas dentro da religião mas cada um possui suas características distintas e finalidades específicas.

Os Pontos Riscados são desenhos sagrados feitos no chão com giz carvão ou outro material representando a proteção espiritual e servindo como ponto de ligação com as entidades. Eles possuem simbologias próprias e são utilizados para diversas finalidades como invocar a força e a presença dos guias espirituais traçar limites e proteger o ambiente ritualístico.

Funcionalidade dos Pontos Cantados

Os Pontos Cantados têm a capacidade de transmitir mensagens orientações e bênçãos das entidades espirituais além de serem uma forma de louvor e agradecimento pela proteção e auxílio recebidos. A melodia e a letra dos pontos são consideradas sagradas carregando uma energia vibrante e transformadora que ressoa no plano espiritual.

Perguntas mais frequentes

O que é um ponto riscado na umbanda?

Um ponto riscado na umbanda é um desenho ritualístico feito no chão ou em outro local durante práticas espirituais para invocar entidades ou criar proteção.

Qual a importância dos pontos riscados na umbanda?

Os pontos riscados têm o poder de concentrar e direcionar energias durante os rituais conectando os médiuns e fiéis com as entidades espirituais.

Como são feitos os pontos riscados na umbanda?

Os pontos riscados são desenhados utilizando elementos simbólicos como cores formas geométricas e símbolos específicos de cada entidade sendo traçados com firmeza e fé pelos praticantes.

5/5 | (4 votos)
João Carvalho de Luz
João Carvalho de Luz
João Carvalho de Luz é um apaixonado estudioso e praticante da Umbanda há mais de 20 anos. Nascido e criado no coração do Rio de Janeiro, João cresceu imerso na rica tapeçaria cultural brasileira, desenvolvendo desde cedo um profundo interesse pelas tradições espirituais do país. Formado em antropologia com ênfase em religiões afro-brasileiras, ele dedica sua vida ao estudo e à prática da Umbanda, buscando sempre aprofundar seu conhecimento e compreensão.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos mais lidos

7 Fundamentos da Umbanda

De Onde vem os Orixás

A Poderosa Oração a Oxalá

Comentários

5/5 | (4 votos)